Fique Sabendo

HUMILDADE – Quando se apresentou em Jales no dia 22 de abril de 2018, no encerramento da Facip Rodeio Show ...

Empresário Eduardo Bercelli, alvo da Polícia Federal, recebeu título de cidadania em Santa Fé do Sul há 20 dias // Foto: Ilson Colombo/ Informa Mais 

HUMILDADE – Quando se apresentou em Jales no dia 22 de abril de 2018, no encerramento da Facip Rodeio Show, além das letras encarnando o empoderamento feminino, do vozeirão e da performance no palco, Marília Mendonça deixou excelente impressão também pela simpatia. Em resumo, não tirou onda de estrela.

BATICUM- Muita gente de Santa Fé do Sul teve taquicardia na manhã de quinta-feira, dia 11 de novembro, quando as emissoras de rádio e televisão e as mídias digitais passaram a divulgar operação da Polícia Federal de Jales noticiando a prisão do empresário Eduardo Bercelli, dono da B&G Cred, sob a acusação de realizar a chamada Pirâmide Financeira. Ou seja, captava recursos de investidores pagando juros maiores que os bancos, em média de 6%. Segundo a PF, sem autorização para funcionar como tal. Consta que muita gente boa e experiente em negócios investiu somas de grande valor na empresa mencionada.

HONRARIA – Sabe-se também que, além da atuação no mercado financeiro, o empresário, de apenas 26 anos, natural de Rubinéia, também estava fazendo outros investimentos, inclusive construindo um espaço de lazer nas margens do rio Paraná, denominado “Rota do Sol”, próximo à orla dos ranchos, cuja inauguração estava prevista para o dia 3 de dezembro com a dupla Bruno e Marrone.

HONRARIA – Pelo sim ou pelo não, o fato concreto é que o empresário tinha ampla aceitação nos meios sociais e até políticos de Santa Fé do Sul. Tanto que, há 20 dias, ele recebeu, em sessão solene da Câmara Municipal, com a presença das mais altas autoridades do município, o título de cidadão santa-fé-sulense.

SINAIS- Em recente reunião da Câmara Municipal, a vereadora Carol Amador (MDB) apresentou requerimento questionando se a Prefeitura poderia incluir o ensino da Linguagem Brasileira de Sinais (Libras) na grande curricular. A vereadora justificou a apresentação da indicação respaldada em sanção pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, do projeto que insere Libras na rede educacional. E quis saber também se existe algum levantamento da população com deficiência auditiva em Jales.

 CUIDADOS – Em resposta ao requerimento, a Prefeitura informou que a rede municipal já ensina Libras aos alunos surdos. Ou seja, sempre que a rede de ensino recebe alunos surdos, a Secretaria Municipal de Educação contrata profissionais tradutores e intérpretes para os mesmos.

SINAL VERMELHO – Ainda em atenção ao pedido da vereadora, a equipe da Prefeitura explicou que, em função da lei 173/2020, que não autoriza a criação de cargos, empregos ou função pública, a criação do cargo de professor especialista em língua de sinais e a realização de concurso para o mesmo foram prejudicados. Mas, prometeu estudo para incluir o ensino de Libras na rede municipal, só que a partir de 2023.

CENSO- Sobre outro questionamento da vereadora respeito do número de pessoas com deficiência auditiva em Jales, a resposta da Secretaria Municipal de Educação foi de que a cabe à pasta fazer o levantamento da comunidade escolar, mas não da população como um todo, tarefa que é própria dos órgãos responsáveis pelo Censo.

TERNO... - Tendo como pano de fundo a disputa pelo comando da 63ª Subseção, Jales tornou-se cenário de embate entre candidatos a presidente da Seccional de São Paulo da OAB. Há 10 dias, esteve em Jales para encontro com integrantes da chapa “Juntos pela Advocacia”, o atual presidente Caio Augusto Silva dos Santos, candidato à reeleição. A chapa da situação, também apoiada pelo secretário-geral Aislan de Queiroga Trigo, é presidida por Ricardo Hentz Ramos e integrada por Arnaldo Andreo (vice), João Diamantino Neto (secretário geral), Fernanda Oliveira (secretária geral adjunta) e Daniella Santos (tesoureira).

...E GRAVATA – Ontem, dia 13, estava programada a visita em Jales da candidata oposicionista a presidente da OAB/SP Patrícia Vanzolini, cujo candidato a vice é Leonardo Sica, para evento da advocacia regional, articulada pela chapa de oposição “Convergência e Independência” em nível de Subseção —Edson “Jack” Francisco da Silva (presidente), Eliana Modesto (vice), Gláucia Dias Pereira (secretária geral), Jônatan Braz Machado (secretário geral adjunto) e Luís César Borges (tesoureiro).

EMBAIXADOR – André Gandolfo acaba de receber mais um reconhecimento em nível nacional. Ele foi nomeado “Embaixador da Educação” pela Academia de Artes, Ciências e Letras do Brasil. Honraria merecida. Como já registrou este jornal, ele se autodefine como livre pensador, escritor, palestrante, músico e empresário. A honraria atribuída ao jalesense tem a ver com o trabalho de uma década percorrendo inúmeras cidades do país falando e cantando para alunos e profissionais da educação. Em suma, André eleva bem alto o nome de Jales.