jornaldejales@melfinet.com.br
17 3632-1330

VÔO LIVRE- Parece que o vento passou a soprar a favor do progresso da cidade

Fique Sabendo
13 de agosto de 2017
Este é o empresário Raphael Carvalho, que fez proposta para compra do recinto da Facip
VÔO LIVRE- Parece que o vento passou a soprar a favor do progresso da cidade, ao contrário  dos últimos 15 anos, com morte de prefeitos, fechamento de frigoríficos e até cassação de mandato. A coluna apurou que um empresário  está examinando a viabilidade de implantar uma linha aérea na rota Jales- São Paulo.Estudos neste sentido já foram iniciados. 

TURBINA – Segundo fonte desta coluna, o empresário interessado no negócio seria Sílvio Abílio, da Rio Branco Taxi Aéreo, com muita tradição no norte do país. A empresa tem uma frota de quatro aviões Bandeirante fabricados pela Embraer, com capacidade para 16 passageiros. Em princípio, dependendo dos estudos, a intenção é de realizar de dois a três voos semanais, ida e volta Jales - São Paulo.   

CÉU DE BRIGADEIRO- Ao que tudo indica, o empresário acreano já teria inclusive entrado em contato com um experiente piloto, o comandante William Leon, ex-TAM, Rio-Sul, Trip e atualmente Azul, e próximo da aposentadoria. O comandante William tem 38 mil horas de vôo.

DOU-LHE UMA... - O médico patologista Mário Okanobo, presidente da Unimed de Jales, através de edital publicado no último domingo, dia 6, neste jornal, convocou os cooperados para Assembléia Geral Extraordinária na próxima quarta-feira, dia 16 de agosto. Como único assunto da pauta, a venda do terreno onde está o recinto da Facip.

DOU-LHE DUAS... – Como esta coluna informou, este mesmo assunto foi objeto de deliberação em assembleia realizada há 15 dias, quando os cooperados rejeitaram a proposta da empresa Gauri Eventos, de São Paulo, que se dispôs a pagar R$ 3 milhões pelo imóvel, com uma entrada de 700 mil e o restante do valor em parcelas. Os cooperados aceitavam o valor oferecido , mas queriam o pagamento à vista.

DOU-LHE TRÊS... - Informado da decisão dos cooperados da Unimed, o empresário Raphael Figueiredo Aguiar Vieira Carvalho, dono da Gauri, fez uma contraposta concordando em pagar os R$ 3 milhões à vista. Na semana que passou, mais exatamente na terça-feira, dia 8, referido empresário foi visto  na cidade em companhia de uma outra pessoa que poderá ser seu parceiro se o negócio for fechado.

 QUORUM- De acordo com os termos do edital de convocação  mandado publicar no J.J. pela Unimed, a assembleia deverá ser aberta , em primeira convocação, com 2/3 (dois terços) dos 71 cooperados. Caso não   haja número, será feita a segunda convocação com a presença obrigatória de metade mais um. E, se também não der número, a assembleia será aberta com o mínimo de 10 cooperados.    

DONO DA BOLA- Durante reunião política realizada no Hotel Maksoud Plaza, dia 8, terça-feira, correligionários do deputado estadual Campos Machado fizeram uma espécie de pré-lançamento de sua candidatura ao governo de São Paulo.Campos Machado (PTB), que já está no 7º mandato, é considerado o mais influente deputado da  Assembléia Legislativa. Nos bastidores da Assembléia, é voz corrente que, nos últimos 20 anos, todos os governadores “pagaram pau” para ele.  

ALAVANCA- A articulação do evento esteve sob a responsabilidade do empresário Nilson Bonomi, que disputou a Prefeitura de Santo André no ano passado. A propósito , Nilson já esteve em Jales há três anos participando de evento social a convite do jalesense Jarbas Zuri Júnior, membro da Executiva Estadual do  PMDB, que também compareceu ao Maksoud.

PRIORIDADE – Nilson e Jarbas colocaram Campos Machado em contato, via telefone,  com o diretor deeste jornal. Indagado se pretende mesmo disputar o Palácio dos Bandeirantes, Campos Machado desconversou , afirmando que a prioridade do seu partido, o PTB, é a candidatura de Geraldo Alckmin para presidente da República 

VELHOS TEMPOS – Na região de Jales o parlamentar sempre teve um aliado incondicional —o comerciante aposentado João Nogueira que, como coordenador regional do PTB, ajudou a implantar comissões provisórias e diretórios do partido em mais de 50 municípios.