jornaldejales@melfinet.com.br
17 3632-1330

VENTO A FAVOR - As portas do Palácio dos Bandeirantes estão cada vez mais escancaradas para a administração municipal de Jales.

Fique Sabendo
18 de novembro de 2018
O empresário Carlos Toshiro Sakashita deu as boas vindas e acompanhou Ratinho Junior, governador eleito do Paraná, em giro pela região
VENTO A FAVOR - As portas do Palácio dos Bandeirantes estão cada vez mais escancaradas para a administração municipal de Jales. Os sucessivos anúncios de novos secretários estaduais pelo governador eleito João Dória (PSDB), inclusive os que foram divulgados na semana que passou, são indicativos de que o prefeito Flávio Prandi Franco (DEM) não terá dificuldades de ficar  perto de quem manda. 

CAMINHO DAS PEDRAS – Um dia após a proclamação do resultado do 2º turno, Dória anunciou que o deputado federal Rodrigo Garcia (DEM), vice-governador eleito, não seria peça de decoração. Ao contrário, exerceria funções de grande importância com atribuições antes privativas da Secretaria de Governo. O governador eleito não disse, mas nas 28 entrevistas que concedeu no dia 29, deu a entender que Rodrigo será uma espécie de “primeiro-ministro”.

GOLDEN BOY – Tendo em vista esta circunstância, o J.J. publicou editorial afirmando que o prefeito Flá, a partir de 2 de janeiro, estará com a faca e o queijo nas mãos. Ninguém desconhece que o vice-governador eleito é o padrinho político  do atual alcaide jalesense, tendo levado-o para funções relevantes em todas as secretarias que ocupou. Além do mais, foi o deputado federal mais votado em Jales em 2014 e, de quebra, graças aos serviços prestados à cidade, ostenta o título de “cidadão jalesense” conferido pela Câmara Municipal. 

PORTA ABERTA – A semana que passou também reservou boas notícias para o prefeito Flá. O governador eleito Dória anunciou a nomeação de Marcos Penido para a supersecretaria de Energia, Saneamento, Recursos Hídricos e Meio Ambiente.. Para quem não sabe, ao tempo em que Rodrigo Garcia foi secretário estadual de Habitação, Penido era presidente da CDHU e Flá, gerente regional da empresa estadual nas regiões de São José do Rio Preto e Araçatuba.

ATALHO – Outro ponto a favor dos jalesenses , também na semana que passou, foi a escolha de Wilson Pedroso para a Chefia de Gabinete de João Dória. Conforme informou esta coluna na edição de 11 de novembro, com base em nota publicada dias antes pelo jornal O Estado de S. Paulo, Dória, então candidato a prefeito da capital em 2016, foi apresentado a  Pedroso no flat do ex-deputado federal Júlio Semeghini, com profundas vinculações políticas e sempre muito bem votado em Jales em quatro eleições e atualmente casado com uma jalesense, a cirurgiã-dentista Vanessa Bigulin.

TAMANHO FAMÍLIA – O empresário Vadão Gomes, presidente do grupo Estrela Alimentos, é outra pessoa. Depois de passar 20 anos  na correria exercendo cinco mandatos de deputado federal, ele mudou de vida. Agora, só negócios e saudável convívio com a família. No feriado de 15 de novembro, por exemplo, ele foi visto no estacionamento do supermercado Proença de Jales enquanto aguardava a esposa, a advogada Flávia, fazer  compras.

ANDAR DE CIMA – Por falar em supermercado, o jalesense Carlos Toshiro Sakashita está realmente com a bola cheia. Depois do registro desta coluna na edição de 11 de novembro, recuperando imagens publicadas pelo J.J. no início do ano  sobre encontro no Japão com os deputados federais Jair Bolsonaro e Onix Lorenzoni, hoje presidente eleito e futuro ministro-chefe da Casa Civil, respectivamente, tem mais uma novidade.

ANDAR DE CIMA (2)- No último sábado, 10 de novembro, Toshiro foi o anfitrião do deputado federal Ratinho Junior, governador eleito do Paraná, que esteve na região para ver projetos voltados para a piscicultura. O jalesense  acompanhou o governador visitante a pedido de um amigo empresário que é próximo ao apresentador Ratinho pai.

PRIMO POBRE – Como ensinam os antigos, quem tem fama deita na cama. A história se repetiu na eleição de 7 de outubro. Segundo dados levantados pelo jornal O Estado de S. Paulo com base na prestação de contas dos deputados ao Tribunal Superior Eleitoral,  Alexandre Frota, deputado federal eleito pelo PSL, partido de Bolsonaro, foi quem menos gastou. Na relação entre despesas de campanha — R$ 14.120,00 — e votação recebida — 155 mil votos— Frota gastou apenas 0,09 (nove centavos), fazendo a campanha mais barata do pais. Frota, que começou a ficar famoso quando se casou com a atriz Cláudia Raia, passou os últimos anos como astro de filmes pornô.

PALMA DA MÃO – Há 30 dias aproximadamente, o engenheiro Niltinho Suetugo, secretário municipal de Planejamento e Trânsito, foi visto por este comentarista acompanhando, debaixo de chuva, o processo de recapeamento da Rua 5, esquina com a 4. Na última quarta-feira, dia 14, entrevistado por João Luís Garcia e Claudinei Antonio, na Antena 102 FM,  ao responder uma pergunta sobre determinada obra, Niltinho deu detalhes sobre a reclamação e garantiu que sabe tudo o que está acontecendo em sua área porque acompanha as obras in loco.