jornaldejales@melfinet.com.br
17 3632-1330

Universitários da região nos estúdios da Rede Globo

por Bruno Gabaldi
27 de maio de 2018
Bruno, o primeiro à esquerda, estagiário do J.J. com os alunos de jornalismo da Fundação Educacional de Fernandópolis - FEF
Reconhecido como diálogo eficiente com jovens, o programa Altas Horas da Rede Globo comandado por Serginho Groisman, teve a presença dos alunos de jornalismo e de outros cursos da Fundação Educacional de Fernandópolis (FEF), no último dia 17, quinta-feira, quando ocorreu a gravação, sendo exibido no sábado, dia 19.
O objetivo da viagem foi para que os universitários conhecessem um pouco mais de como é um estúdio de televisão, como é gravado, os equipamentos utilizados, luzes, sons e técnicas variadas.
Os convidados de Serginho foram Tiago Leifert, Sandy, Marcio Garcia, Jorge e Matheus e a banda Nenhum de Nós, que abriram e fecharam os blocos. Tendo a presença também de Laura Muller, com seu quadro mais esperado, o assunto sobre sexo.
Mesmo participando do auditório, os alunos tiveram a sensação de convidados famosos. “Ir para o Altas Horas foi incrível, principalmente para os estudantes de jornalismo, porque é um outro mundo, uma outra visão. É tudo o que acontece por trás das câmeras, você vê maneiras diferentes de apresentação e de como lidar com tudo o que acontece. São várias ações ao mesmo tempo. Uma experiência única. É indescritível tudo o que se vê e sente”, disse Gabriela Garnica, estudante do 5º semestre de jornalismo. 
“Participar do programa Altas Horas, dos estúdios Globo São Paulo foi uma experiência incrível. Primeiro, foi a realização de um dos meus sonhos, como estudante de jornalismo, a curiosidade de saber o “por trás dos bastidores” é grande, ainda mais que penso em trabalhar como roteirista futuramente. Observar a agilidade da equipe, a busca pela perfeição, os ângulos de gravação e você ver o programa editado depois, é admirável!”, completou Higor Alonso, aluno do 1º semestre de jornalismo.

ALTAS HORAS
Há 17 anos, Serginho Groisman iniciou o programa na Rede Globo, trazendo em pauta vários assuntos que abordam temas que é de interesse do público adolescente/jovem. Mas antes disso, já havia feito este tipo de entretenimento no SBT, com o Programa Livre, em 1991, no qual obteve grande sucesso. No ano de 2016, ganhou o troféu imprensa com a categoria de melhor programa de auditório.

Bruno Gabaldi (é aluno do 1º semestre de jornalismo da FEF, e estagiário do Jornal de Jales)