jornaljales@gmail.com
17 3632-1330

TODOS sabem que a música é importante nos nossos momentos de lazer ou reflexão, sendo que nas crianças e adolescentes ela contribui para o processo de aprendizagem, com a melhoria da capacidade de concentração, memorização e auto conhecimento.

Contexto
21 de abril de 2019
TODOS
sabem que a música é importante nos nossos momentos de lazer ou reflexão, sendo que nas crianças e adolescentes ela contribui para o processo de aprendizagem, com a melhoria da capacidade de concentração, memorização e auto conhecimento.

ISSO
porque no mundo em que vivemos, cada vez mais conectado e voltado para os recursos oferecidos pelas redes sociais e mecanismos de interação virtual, reservar um tempo para relaxar curtindo um som passa a ser fundamental, também como recurso de desapego momentâneo diante do estresse da vida diária, mesmo para os pequenos em seus afazeres escolares e fora da escola.

AINDA 
no caso das crianças e adolescentes, a música, principalmente instrumental contribui para o refinamento do gosto e ajuda a aumentar a sensibilidade,  além de desenvolver competências como posturas, disciplina, trabalho em grupo e comportamento, muitas vezes de forma espontânea, mas com os cuidados exigidos para o bom desempenho.

MUITAS
crianças e adolescentes sabem disso, tanto que a informação de que o Projeto Guri, desenvolvido pelo Governo do Estado iria acabar, repercutiu em todos os 382 pólos, que somam 64 mil alunos, inclusive no de Jales onde existem 212 vagas, sendo que 197 estão preenchidas. 

ESSA
Repercussão foi fundamental para que o governador João Dória, sensibilizado com os apelos dos prefeitos e coordenadores dos pólos reconhecesse a importância do projeto, conseguindo um remanejamento nas contas para que o mesmo não fosse desativado e continuasse da mesma forma com que vinha sendo desenvolvido.

EM JALES
as aulas acontecem às quartas e quintas-feiras, das 13h30 às 18 horas em três níveis diferentes: iniciante, intermediário e avançado, incluindo o coral juvenil e 15 tipos de instrumentos. O curso é gratuito e a única exigência é que o aluno tenha entre seis e 18 anos e que esteja matriculado em uma escola que pode ser pública ou particular.

PARA
reforçar o que disseram em relação ao projeto, basta citarmos o que afirmou o secretário de Cultura e Economia Criativa, Sérgio Sá Leitão: “Não há dúvida em relação à qualidade e importância do Projeto Guri e aos seus resultados. Certamente, a iniciativa sociocultural mais importante do país em resultados evidentes. Um recente estudo, feito pelo IDIS, especificamente sobre o Projeto Guri, demonstrou que para cada R$ 1 aportado pelo Governo do Estado, a sociedade recebe R$ 6,40 em serviços”. (Luiz Ramires)