jornaldejales@melfinet.com.br
17 3632-1330

Santander começa se organizar para administrar a folha de pagamento da Prefeitura

Dois bancos apresentaram propostas, mas o Santander apresentou a maior oferta no valor de R$ 3.010.558,43.
07 de outubro de 2018
Os representantes do Santander Robson Garcia Morales, Katia Febole e Edson Alexandre Biazzi, com o vice-prefeito Garça, o secretário de Fazenda, Nivael Brás Renesto e o secretário de Comunicação Douglas Zílio
A forma com que deverá ser administrada a folha e pagamento dos servidores municipais começou a ser discutida no dia 1º de outubro, segunda-feira, durante reunião de representantes da Prefeitura e do Banco Santander, vencedor do pregão presencial (com maior oferta) realizado para a contratação da instituição financeira responsável pelo serviço que deverá ser iniciado em novembro.
Participaram da reunião no gabinete, o superintendente regional do Santander São José do Rio Preto, Edson Alexandre Biazzi, o gerente geral da agência de Jales, Robson Garcia Morales, a gerente de atendimento da agência de Jales, Katia Febole, o vice-prefeito José Devanir Rodrigues, o Garça, o secretário de Fazenda, Nivael Brás Renesto e o secretário de Comunicação Social, Douglas Zílio.
Dois bancos apresentaram propostas, mas o Santander apresentou a maior oferta no valor de R$ 3.010.558,43. O valor foi depositado nos cofres públicos e será direcionado às necessidades da administração municipal. De acordo com o vice-prefeito “a venda da folha de pagamento resultará uma receita que refletirá em benefícios para a Prefeitura. O valor superou nossas expectativas”, frisou Garça.
Conforme definido no edital, o novo banco fará o gerenciamento da folha de cerca de 1.900 servidores públicos ativos, inativos, celetistas, pensionistas e, em alguns casos, estagiários da administração direta e indireta do município.