quarta 23 setembro 2020
Cidade

Protesto contra o Congresso Nacional e o STF reúne grupo de jalesenses na praça

Um grupo de jalesenses apoiadores do presidente Jair Bolsonaro se reuniu na Praça João Mariano de Freitas, dentro da manifestação programada no país contra o Congresso Nacional e o Supremo Tribunal Federal que segundo os manifestantes estariam impedindo o desenvolvimento do país.
As críticas feitas pelo organizador do movimento, Weber Kitayama, foram acompanhadas por vários participantes que se pronunciaram durante o ato que teve uma sequência de discursos conduzidos por Márcio José Almeida de Rosa, o Berréia.  
A maioria dos que falaram preferiu criticar os políticos em geral, inclusive em nível local e regional, envolvendo os vereadores e deputados que tiveram votos em Jales, mas que segundo eles pouco estão contribuindo para com a cidade. Também não faltaram críticas à imprensa pelas notícias sobre o presidente Bolsonaro e o Governo Federal e até as advertências contra a disseminação do coronavirus que como afirmaram estaria atrapalhando a economia foi repudiada. 
Boa parte dos manifestantes estava vestida de verde e amarelo, empunhando bandeira, alguns exibindo cartazes sobre o foco do protesto. Também não faltou uma faixa defendendo a intervenção militar, levada pela advogada Alzira Mara, lembrando que antes outra semelhante foi fixada em sua residência. 
Durante o ato foi sugerida a criação de um grupo no WhatsApp, por Carlos Alberto Cardoso, para trocar ideias e reforçar as próximas manifestações.

Desenvolvido por Enzo Nagata