jornaljales@gmail.com
17 3632-1330

Polícia prende homem que praticava extorsão por carta contra empresários

por Luiz Ramires
23 de dezembro de 2018
Um marginal foi preso esta semana, em Jales, depois que a Polícia começou investigar um golpe que teria sido praticado contra um comerciante bastante conhecido na cidade que foi lesado em R$ 10 mil, segundo informou o delegado Sebastião Biazi, encarregado das investigações.
O delegado não informou o nome do empresário, mas disse que o mesmo há alguns dias se apresentou à polícia muito assustado, depois de receber uma carta anônima onde a pessoa que escreveu afirmava tratar-se de pessoas envolvidas com o crime que agiam de dentro e de fora dos presídios.
A carta teria sido deixada embaixo da porta  de um dos estabelecimentos do empresário com ameaças a ele e à sua família, caso não desse o valor exigido. O delegado explicou que trata-se de extorsão e que a mesma é considerada crime, mesmo que não venha a se concretizar. Assim, só pelo fato de alguém escrever uma carta como aquela, o crime já fica consumado.
O delegado explicou que o comerciante não voltou mais para o estabelecimento, desde o dia em que recebeu a carta. O acusado foi preso quarta-feira, dia 19 de dezembro, pela manhã, em sua residência, em Jales e segundo a polícia ele já tem várias passagens pela polícia por crime de violência, ficou preso por cerca de 12 anos e deixou o presídio recentemente.
A polícia acredita que outros comerciantes também tenham passado pela mesma situação e os mesmos devem fazer a denúncia na Central de Polícia Judiciária para que o crime seja apurado. Ao mesmo tempo, os policiais continuam investigando para tentar prender outras pessoas que poderiam estar envolvidas em golpes como este.