jornaldejales@melfinet.com.br
17 3632-1330

Polícia Civil de Jales apura irregularidades na Câmara de Aspásia

Segundo informação da Assessoria de Comunicação da Polícia Civil, inúmeros documentos foram apreendidos e estão sendo analisados.
09 de dezembro de 2018
O delegado Altair Ramos Leon chefiou a operação com a participação de investigadores e escrivão
Uma denúncia sobre possíveis irregularidades cometidas na Câmara Municipal de Aspásia está sendo apurada pela Polícia Civil de Jales que no dia 7 de dezembro, sexta-feira de manhã cumpriu um mandado de busca e apreensão na sede do Legislativo daquela cidade. 
Segundo informação da Assessoria de Comunicação da Polícia Civil, inúmeros documentos foram apreendidos e estão sendo analisados. Os documentos apreendidos, segundo a polícia, poderão comprovar eventuais crimes praticados contra o patrimônio da Câmara, pois segundo informações de um vereador, estariam ocorrendo gastos excessivos com combustíveis para os veículos do Legislativo.
Há ainda denúncia do mesmo vereador de que estariam sendo registradas compras de lanches e refrigerantes que não foram servidos para os vereadores e funcionários da Casa, além de despesas com viagens de vereadores com a utilização de táxi, mesmo com o veículo oficial à disposição. Também estariam ocorrendo fracionamento de despesas com fraude em licitações.
A princípio foram instaurados quatro inquéritos para apurar as denúncias e responsabilizar seus autores, se as mesmas ficarem comprovadas.