jornaldejales@melfinet.com.br
17 3632-1330

Pintora jalesense conta como sua obra chegou ao Louvre, em Paris

Suze Scatena de Almeida Zuliani foi entrevistada pelo J.J.
18 de novembro de 2017
A pintora diz que o estilo do seu trabalho se insere na chamada Arte Contemporânea
Professora de Ciências e Biologia no Ensino Fundamental 2 e alfabetizadora no Ensino Fundamental 1, era pouco provável que Suzete Scatena de Almeida  Zuliani fosse se transformar em uma pintora consagrada.
Mas, aos 45 anos, casada com José Francisco de Almeida Zuliani, o Kiko, e mãe de Lennon, Victor Hugo e Letícia, ela chegou lá—parte de sua obra está sendo exposta no Stand D102 Anjos Art Gallery, no Louvre , em Paris.
Nesta entrevista ao Jornal de Jales, Suze, como todas a chamam, contou como conseguiu conquistar um espaço artístico reservado somente aos grandes talentos (DRJ). 

J. J. - Como você se tornou artista plástica? 
Suze - Na verdade, eu sempre amei tudo que se tratasse de Arte, de uma maneira geral, nunca me distanciei dela, sempre tive curiosidade, vontade e também um pouco de facilidade para  aprender todos os tipos de trabalhos manuais, mas quando me deparei com Arte Abstrata, eu me encontrei de verdade, e percebi que era tudo que eu procurava. 
 
J. J. - Quem a inspirou a abraçar a pintura como modalidade de arte? 
 Suze - Acredito que no início não houve uma pessoa, mas os caminhos que eu já estava inserida acabaram me levando até  à pintura fazendo com que eu à  abraçasse como  um trabalho. Não posso deixar de mencionar meu marido, que sempre me  apoiou em tudo e acreditou no meu potencial . Quanto aos quadros eu  me lembro, como se fosse hoje, quando a professora de violão do meu filho, Elaine Jorge, amiga querida, chegou na minha casa empolgada falando que estava fazendo umas telas abstratas pra  casa dela, eu fiquei muito ansiosa, porque eu tinha verdadeira loucura para aprender aquela Arte , que eu tanto admirava, o abstrato sempre me encantou, não deu outra, pedi pra ela me ensinar, o que ela fez com muito carinho, e foi incrível, porque  a partir desse momento nunca mais  parei. 
Comecei a estudar Arte Contemporânea, e descobri que o meu maior prazer é a criação. 
 
J. J. - Onde você expôs os primeiros quadros? 
Suze - Minhas primeiras exposições foram realizadas em instituições de ensino, logo meu trabalho foi sendo conhecido, e vieram oportunidades para expor  em centros culturais  da região, fiz parcerias com lojas de decoração, e arquitetos, assim foram esses 15 anos de trabalho, e agora por fim dei um salto um tanto audacioso, rsrsrs cheguei à Portugal e Paris, e claro está sendo muito especial pra mim. 
 
J. J. - Em que escola se insere sua produção? 
Suze - O estilo do meu trabalho é Arte Contemporânea, uma arte que dialoga com um trabalho mais moderno.  
 
J. J. - Como sua obra conseguiu chegar ao Louvre, em Paris? 
Suze - Foi uma indicação, feita por uma Artista que foi minha professora de Arte e que eu admiro muito, Norma Vilar, de São José do Rio Preto, que realiza esse trabalho a muito tempo de enviar suas Obras de Arte pra vários países, ela indicou meu trabalho a uma Curadora de Arte, Maria dos Anjos, que também tem uma galeria em Copacabana, onde será minha próxima exposição, a Maria pesquisou as minhas Obras  após a indicação, e me fez o  convite. 
 
J. J. - Você já expôs em algum grande centro brasileiro? 
Suze - Ainda não, mas tenho convite para expor em Campo Grande, e também agora no Rio de Janeiro. 
 
J. J. - Onde suas obras podem ser encontradas em Jales? 
Suze -  No meu ateliê, que fica junto à minha casa, onde desenvolvo projetos exclusivos para vários segmentos, tanto residenciais como escritórios, consultórios médicos e clínicas e também na loja Ambiente e Decorações da Arquiteta Meire Suetugo.