jornaljales@gmail.com
17 3632-1330

OUTSIDER – Não será surpresa para esta coluna se a presidência da Comissão Provisória do PSDB local for entregue a um conhecido empresário ligado ao showbusiness.

Fique Sabendo
30 de junho de 2019
Deputada estadual Analice Fernandes quer chapa competitiva do PSDB na eleição do ano que vem em Jales
OUTSIDER – Não será surpresa para esta coluna se a presidência da Comissão Provisória do PSDB local for entregue a um conhecido empresário ligado ao showbusiness. O nome dele já circula nos bastidores do tucanato. Embora o martelo não tenha sido batido, as chances são grandes. Por outro lado, certo mesmo é que Márcia Maldarine, prima e assessora parlamentar da deputada estadual Analice Fernandes, continuará na estratégica secretaria geral do partido.

ESQUENTA-  Vale lembrar que a lei eleitoral proibiu coligações partidárias na eleição para vereador no ano que vem, o que vai obrigar os partidos a montarem chapas com candidatos competitivos. Em 2016, o PSDB conquistou apenas uma cadeira na Câmara Municipal —a do vereador Bismarck Kuwakino, que, diga-se de passagem, continua trabalhando dia e noite para se reeleger.
 
BLOCO NA RUA – Por falar em partidos, simpatizantes do PSL, aglutinados no movimento VemPraRua.net, voltarão à Praça João Mariano de Freitas neste domingo, dia 30, a partir das 9 horas e 30 minutos. O cardápio da movimentação contempla Previdência+Anticrime+Lava Jato. No material que circulou nas redes sociais, o recado é explícito: “participe da manifestação em favor do Brasil, do ministro Sérgio Moro e do procurador da República, Deltan Dallagnol.

DEVAGAR COM O ANDOR – A propósito da Operação Lava Jato, juristas de peso estão com um pé atrás depois que o site Intercept Brazil começou a divulgar conversas entre o então juiz e o procurador. Um deles é o deputado federal Luiz Flávio Gomes (PSB), que foi muito bem votado em Jales por conta da dobradinha com o Delegado Sakashita, candidato a deputado estadual.

RESPEITO À LEI – “Apoiamos o combate à corrupção e à Lava Jato, mas sempre em respeito à lei. Quando um juiz ou promotor foge das regras, está contra a sociedade”, disse Luiz Flávio ao jornal O Estado de S. Paulo. 

É COMIGO- Como em política não existe vácuo, o deputado federal de primeiro mandato, Geninho Zuliani (DEM), vai ocupando espaços em São José do Rio Preto, que não elegeu representantes para a Câmara dos Deputados.  Por exemplo, a imprensa da capital da região dá como certa a nomeação de Sílvia Forti Storti para a Diretoria Regional de Saúde. Ela foi secretária de Saúde da Prefeitura de Olímpia durante os oito anos da administração Geninho. Ainda de acordo com a mídia rio-pretense, o vice-governador Rodrigo Garcia, secretário de Governo, teria influenciado decisivamente na escolha.
   
PORTA ABERTA – Em se concretizando a nomeação da indicada pelo deputado, o prefeito de Jales, Flávio Prandi Franco (DEM) terá trânsito livre na DRS. Como até as crianças da pré-escola sabem, Flá é considerado, tanto quanto Geninho, um dos golden boys do vice-governador. 
 
PÉ NA ESTRADA – Jesus Martins Batista (DEM), o Jesus da Prefeitura, quer porque quer voltar à Câmara Municipal. E tem gastado muita sola de sapato fazendo aquecimento para a campanha do ano que vem. Embora tenha obtido 670 votos em 2016, mais do que os eleitos Henrique Macetão e Tiago Abra, ambos do PP, Jesus não conseguiu se reeleger em face do quociente eleitoral.  

ALAVANCA – Jesus vem trabalhando desde a eleição do ano passado na assessoria do deputado federal Fausto Pinato (PP). Todos os pedidos dos eleitores que chegam a Jesus são reencaminhados ao parlamentar.

APAGOU A LUZ – Por falar em Pinato, o deputado federal da região, segundo os jornais Folha e Estadão, foi o último a ser recebido pelo ministro-chefe da Secretaria Geral da Presidência da República, general Santos Cruz, exonerado pelo presidente Jair Bolsonaro. A audiência aconteceu no final da tarde de um dia e o ministro foi demitido na manhã seguinte.

ALEGRIA, ALEGRIA – O educador Kazuo Nagasse, PCNP de Artes da Diretoria de Ensino de Jales, postou fotos em suas redes sociais registrando a presença, pela quarta vez, na Parada do Orgulho LGBTQIA+, domingo passado, dia 23 de junho, em São Paulo, que teve 3 milhões de participantes. Kazuo disse à coluna que, na concentração, no começo da avenida Paulista, onde ele ficou ao lado de amigos de Jales que moram em São Paulo, o ambiente foi de festa em meio à diversidade que marca o evento.

PERSONA NON GRATA- Em compensação, o fisioterapeuta Rodrigo do pilates, que viajou para São Paulo integrando uma comitiva que saiu de Rio Preto, revelou que o ambiente era de franca hostilidade ao presidente Jair Bolsonaro, brindado com frases esculachadas nos trios elétricos não somente pelos artistas quanto pelos governadores.