domingo 17 outubro 2021
Contexto

O PROTAGONISMO JUVENIL ...

O PROTAGONISMO JUVENIL

é a força da Escola Estadual Juvenal Giraldelli. O Jornal de Jales noticiou na edição de 1º de agosto de 2021, o projeto “Horta na Escola” que está sendo desenvolvido pela instituição de ensino e que já beneficiou três entidades filantrópicas da cidade com doações de hortaliças. Pois bem, vale a pena aprofundar sobre o assunto, até porque este aprendiz de jornalismo que vos escreve é testemunha dessa história.

O PROJETO,

nomeado no princípio como “Horta Escolar”, foi lançado em 20 de setembro de 2016 com a chapa Einstein do Grêmio Estudantil Rui Barbosa: na presidência Caroliny Berceli Rocha (2º ano A) e na vice-presidência eu, Bruno Gabaldi Vilela (2º ano B). O objetivo era apresentar novas formas de aprendizagem por meio da observação, pesquisa, reflexão diária e promover mudanças na cultura da comunidade no que se refere à alimentação, saúde e qualidade de vida por meio da horta.

INICIAMOS

o sonhado projeto ao lado da quadra esportiva, junto à antiga residência do zelador em um terreno inutilizável com vários obstáculos: pedregulhos, mato, carrapicho, troncos e bugigangas. A horta foi tomando forma durante os meses com a colocação de tela sombrite e confecção dos canteiros, até que chegou o dia do primeiro plantio.

COMO UM PROJETO

puxa outro, no ano seguinte (2017), com a chapa J.U.V.E. (quando participei como diretor de imprensa), a novidade foi a “Rádio Escolar” com a inserção de músicas, informações e comunicados durante os intervalos. Seria ignorância minha não citar todos os alunos gremistas envolvidos nessas duas ações, porém o espaço é limitado, quem sabe em outra oportunidade.

OS ANOS SE PASSARAM,

mas o protagonismo continuou dando frutos. Em 2021, com a chapa D.V.D (Desafio Vivendo à Distância), os gremistas da Juvenal Giraldelli foram além com a doação de hortaliças à comunidade. Direcionados pelo professor orientador de convivência, Heder Donda, e o diretor Jonas Gerez, junto com a equipe gestora da escola, os alunos estão colocando a mão na massa e enriquecendo a aprendizagem.

DEIXO AQUI

minha satisfação de que o trabalho não foi em vão. À atual presidente do grêmio, Kéren de Souza Seixas (1º ano A), ao seu vice, Victor Apoena Rodrigues Souza Filho (2º ano A) e todos aos alunos, desejo que não desistam do projeto e sejam jovens de atitude na comunidade. (Bruno Gabaldi)

Desenvolvido por Enzo Nagata