jornaldejales@melfinet.com.br
17 3632-1330

NA BOCA DO GOL- Não será surpresa para esta coluna se o ex-centroavante Luizão, nascido e criado em Rubinéia, onde mora sua família, disputar a eleição para deputado...

Fique Sabendo
29 de abril de 2018
Deputada Analice Fernandes ficou oito dias na região e, a convite do prefeito Márcio Arjol, inaugurou ala de pediatria em Urânia. Junior Ferreira, provedor da Santa Casa de Jales, também estava lá. Foi terça-feira, dia 24.
NA BOCA DO GOL- Não será surpresa para esta coluna se o ex-centroavante Luizão, nascido e criado em Rubinéia, onde mora sua família, disputar a eleição para deputado federal no próximo mês de outubro. O convite partiu do deputado federal Celso Russomano, do PRB, campeão de votos nas duas últimas eleições, de olho na popularidade do goleador.Caso a candidatura se efetive e Luizão se eleja, ele não será o primeiro ex-boleiro a ter assento no Congresso Nacional. Atualmente, o tetracampeão Romário é senador pelo Estado do Rio de Janeiro, o volante Deley, que foi campeão brasileiro pelo Fluminense, é deputado federal pelo Rio, e o goleiro Danrlei, campeão mundial interclubes pelo Grêmio, também é deputado federal pelo Rio Grande do Sul.

MOSCA AZUL - Segundo fonte desta coluna, o craque parece entusiasmado. Luizão tem a seu favor o fato de ter jogado em alguns dos maiores clubes do país e ter sido pentacampeão mundial pela seleção brasileira, em 2002. 

PAPO DE BOLEIRO - Embora tenha pendurado as chuteiras há algum tempo, Luizão está sempre na mídia. Por exemplo, quase todos os domingos ele participa da bancada do programa “Resenha”, na ESPN Brasil, às 10 horas da noite, ao lado de outros boleiros aposentados como Djalminha, ex-Flamengo, Palmeiras e La Coruña-Espanha, Amoroso, campeão mundial interclubes pelo São Paulo, Fábio Luciano, ex-Corinthians e Flamengo, Alex, campeão pelo Palmeiras e Cruzeiro e ídolo na Turquia onde virou até estátua. Também vão ao programa convidados especiais. Recentemente, quem esteve por lá foi Ronaldo Fenômeno. 

DNA- É bom lembrar que, se for realmente candidato, Luizão seguirá as pegadas de seu pai, Cidão Goulart, prefeito de Rubinéia pela segunda vez. No passado, quando ainda atuava profissionalmente, o goleador chegou a colaborar financeiramente com a campanha de Itamar Borges, que disputava a Prefeitura de Santa fé do Sul pela terceira vez, em sinal de agradecimento pelo apoio recebido do então alcaide, quando, ainda menino, no início da carreira, foi jogar no Guarani de Campinas.

ESCALAÇÃO – Salvo melhor juízo, atualmente o prefeito Cidão, pai de Luizão, é sócio-atleta do Analice Fernandes F.C. 

PÉ NA ESTRADA – Por falar na deputada, ela ficou em Jales do dia 15 de abril, quando participou da Cavalgada do Aniversário, até o início da semana que passou.  Como de hábito, Analice deixou a assessoria de língua de fora, percorrendo 25 municípios em contato com prefeitos e vereadores e participando de inaugurações como ocorreu na terça-feira, dia 24, quando, a convite do prefeito Márcio Arjol — a quem apoiou em 2016, inclusive fazendo corpo-a-corpo — foi a estrela da entrega ao público da ala de pediatria de unidade básica de saúde de Urânia. 

BEM-VINDOS – Embora não fosse o dono do Rodeio Show, o prefeito Flá fez questão de dar boas vindas aos convidados nos camarotes e aos artistas nos camarins. A primeira-dama Glauciane também fez sua parte, recepcionando as mulheres elegantes e personalidades femininas que estiveram por lá. 

DESAFIO DO BEM- Rendeu exatamente R$ 8.338,80 o Desafio do Bem, duelo entre um peão campeão e um touro bravio. No caso, Leandro Henrique e “Voltei pra te ver” se enfrentaram na arena do Rodeio Show A renda foi destinada ao Hospital de Câncer e mereceu amplos agradecimentos da gerente administrativa da Unidade de Jales, Camila Venturini.

RETROVISOR-  Em Jales, o primeiro Desafio do Bem foi realizado em 2011 quando Osvaldo Costa Junior, o Bixiga, era presidente da verdadeira Facip, e Pérola Cardoso, coordenadora de captação do Hospital de Câncer. Por ser novidade, a campanha ($$$) arrebentou a boca do balão.

PODE SIM –“O Lula está inelegível, mas nada impede que registre candidatura e participe do processo político, mesmo preso”. A afirmação taxativa é do advogado Sílvio Salata, presidente da Comissão de Direito Eleitoral da OAB/SP, em declaração à Folha de S. Paulo na edição de 21 de abril. Detalhe: Salata não é advogado de Lula nem do PT.

QUEM É – Sílvio Salata, é nascido e criado em Olímpia, foi colega de escola e é amigo pessoal do diretor deste jornal. Na profissão, já defendeu cabeças coroadas como o deputado federal Paulo Maluf, garantindo, na época, validar os votos que estavam sub-judice. Na região, já advogou para vários políticos, inclusive o ex-prefeito jalesense Humberto Parini, acusado pelo Ministério Público de favorecer a Demop em licitação de recapeamento. Salata foi contratado, matou a acusação no peito e, embora a ação penal contra a empreiteira de Votuporanga tenha sido trancada no Superior Tribunal de Justiça, o advogado entende que Parini será absolvido pois não cometeu nenhuma ilicitude.