jornaldejales@melfinet.com.br
17 3632-1330

Leitores de 25 de outubro

Administração sem apoio
26 de outubro de 2015
É notório o semblante de preocupação e tristeza estampado no rosto do nosso gestor municipal,  frutos das dificuldades que vem enfrentando frente ao Executivo.
 Como já disse em meus textos anteriores, ele recebeu uma herança que eu jamais queria receber. Já não chega o momento difícil que nossa economia esta passando, herdou problemas financeiros gravíssimos, dívidas e dentre outras coisas. Na edição desse jornal do dia 27/09 o mesmo deixou a entender que não pretende disputar uma possível reeleição devido à preocupação em conseguir terminar ao menos esse mandato de forma digna.
Se visualizarmos uma foto do nosso gestor antes de entrar na política e assumir esse cargo no Executivo, com certeza muitos fios de cabelos brancos somaram-se aos antigos. 
Preocupado, nosso gestor é um símbolo visível de uma pessoa séria e honesta que não se encaixou nos moldes políticos do nosso país. Não estou dizendo que o mesmo não tem competência, longe disso, estou aqui expondo uma opinião de que “homens de pedigree”, “vergonha na cara” é incapaz, muitas vezes, de suportar esse ambiente político que vive nossa nação, promessas, mentiras e principalmente a falsidade.
O que questiono, é o fato de que ao assumir a chefia do Executivo, junto com ele reassumiu um partido político forte que governa nosso Estado há mais de 20 anos, somando-se a isso os deputados estaduais e federais da mesma sigla e coligação prometeram ao nosso gestor que nossa cidade retomaria o rumo do progresso.
O que vejo é que tem se feito pouca coisa, algumas emendas liberadas, ajuda daqui outra dali, mas isto não é suficiente para termos a esperança de uma Jales cada dia melhor, uma cidade de empregos, uma cidade modelo de saúde, educação, transporte, etc. 
 
Osmar Gabriel 
RG 8.320.382