jornaldejales@melfinet.com.br
17 3632-1330

Gabriela explica como conseguiu ser aprovada em oito faculdades de medicina

O Jornal de Jales foi ouví-la até como forma de estimular quem quer ser alguém na vida.
11 de fevereiro de 2018
abriela: vida regrada para estar bem nos dias de prova
A jalesense Gabriela Módulo Molina, 20 anos, foi, salvo engano, a campeã brasileira dos vestibulares 2017. Ela conseguiu ser aprovada em oito faculdades de medicina.
Sua performance foi impressionante: Catanduva (1º lugar),Jundiaí (2º), Unaerp (2º),  Unesp (4º), Famema (10º), Santa Casa/SP (14º), Famerp (15º) e Federal de Uberaba (Enem). 
Filha dos empresários Nilma Célia Módulo Molina e Edgar Francisco Molina (Piuí Festas), ela torna-se símbolo de uma geração que leva os estudos a sério , desmentindo  o  imaginário  popular segundo o qual os jovens de hoje “não querem nada com nada”. 
Gabi, como é conhecida em família, fez o Ensino Fundamental e o Ensino Médio na Cooperjales/Objetivo, o primeiro ano de Cursinho no Kelvin (São José do Rio Preto, o segundo ano no Etapa (São Paulo).
O Jornal de Jales foi ouví-la até como forma de estimular quem quer ser alguém na vida. Ou, nos versos do poeta português Fernando Pessoa, mostrar que “tudo vale a pena se a alma não é pequena”... (DRJ)

J.J. - Por que você escolheu a medicina?
Gabriela - Escolhi Medicina porque sempre me interessei pela área de biológicas nos estudos e porque acho que essa carreira permite um grande contato com as pessoas.

J.J. - Quantas horas você estudou por dia?
Gabriela - Meu cursinho era integral, então eu tinha aula das 7h à 15h45min. Depois estudava em casa até a hora de dormir.

J.J. - O que pesou mais: os vestibulares ou o desempenho no Enem?
Gabriela - Vestibulares.

J.J. - No período que antecedeu os vestibulares, você só focou os estudos ou sobrou tempo para o lazer?
Gabriela - No período anterior aos vestibulares, achei importante descansar um pouco para estar bem nos dias de prova, então tentei dormir melhor e relaxar um pouco nos fins de semana.

J.J. - Qual a área da medicina que você pretende abraçar depois da formatura e residência?
Gabriela - Ainda não pensei exatamente em qual área quero escolher para residência porque quero conhecer melhor as áreas durante o curso, mas já pensei em Endocrinologia.