jornaldejales@melfinet.com.br
17 3632-1330

Ex-craque de basquete se emociona na volta a Jales

BONS TEMPOS
25 de março de 2019
O ex-atleta visitou a redação do J.J. em companhia do amigo Beto
Ainda estão vivas nas lembranças dos torcedores jalesenses as imagens das grandes jornadas das equipes de basquete de Jales entre os anos de 1989 e 1995.
Naquele período, a cidade era conhecida em nível nacional pela alta qualidade da uva produzida fora de época e pela excelência das equipes de basquete — Ipê-Soler, Ipê-Banespa e Bozzano Jales.
Um dos integrantes do grupo que veio primeiro, o armador Marcelinho, retornou à cidade no início da semana que passou para rever os amigos, entre os quais Junior Soler, patrocinador, Bidinho Bernardo, assistente técnico, e Carlos Alberto de Carvalho (Beto), dentista.
Marcelo Andrade, hoje com 52 anos, carioca, jogou as temporadas 90-91, 92-93 e 93-94, retornou ao Rio de Janeiro onde atuou no Tijuca e encerrou a carreira em Angra dos Reis.
Em emotivo depoimento na redação do Jornal de Jales, ele afirmou: “eu e minha esposa Renata vivemos alguns dos melhores anos de nossa vida em Jales”.
O casal tem dois filhos — Gabriel, 25 anos, formado em administração, que chegou a defender o América de Rio Preto e hoje joga basquete de 3, que se tornou modalidade olímpica, e Luiza, 22 anos, que joga vôlei de quadra e praia nos Estados Unidos, onde estuda jornalismo.
Ele só ficou triste com o atual estado do Clube do Ipê; “era lá que levávamos o Gabriel para brincar”.