jornaldejales@melfinet.com.br
17 3632-1330

Energia solar faz bem para o bolso e o meio ambiente, afirma engenheiro

por Luiz Ramires
15 de maio de 2017
As vantagens da utilização da energia solar foi tema da palestra na AERJ
Além de ser uma das opções mais importantes para o meio ambiente entre as fontes de energia sustentáveis e renováveis, a energia solar é também uma boa alternativa para quem quer economizar na conta. Foi o que afirmou o engenheiro ambiental Luiz Amaral Neto durante palestra no dia 5 de maio, na sede da Associação dos Engenheiros da Região de Jales.
Segundo o palestrante, é possível economizar até 95% na conta de energia elétrica utilizando o sistema de energia solar, um mercado que só em 2016 cresceu 300% no país e este ano deverá aumentar ainda mais. 
O palestrante explicou que essa economia é possível com o consumidor gerando a energia suficiente para suprir seu consumo. Com isso ele passa a pagar apenas o valor mínimo que a distribuidora cobra que é o custo pela disponibilidade do sistema. Em uma rede bifásica, o valor da conta cai para cerca de R$ 35,00.
O custo para instalação do equipamento não é alto, segundo o palestrante. Ele explica que com R$ 15 mil é possível instalar um sistema para alimentar uma casa com três pessoas, gerando em torno de 240 quilowatts/hora/mês.

EDUCAÇÃO
O evento foi realizado com apoio do CREA-SP e da MUTUA – Caixa de Assistência dos Profissionais do CREA-SP e contou com uma platéia formada por engenheiros e estudantes do IEP.
O professor Danilo de Paula Milian, destacou a importância de levar os estudantes para uma palestra como essa. Foram duas turmas de alunos do curso Técnico em Eletrotécnica, uma do primeiro e outra do terceiro e último módulo. Encontros como esse, como explicou são importantes para mostrar a realidade que eles vão vivenciar, depois de se formarem, quando certamente terão que estar preparados para trabalhar com energias renováveis, como é o caso da energia solar.

PROGRAMAÇÃO
A palestra foi a primeira do ano dentro da programação de eventos da AERJ que prevê outros encontros como este para os associados e convidados. O tema é bastante atual, ligado ao meio ambiente e à sustentabilidade, como destacou a presidente da associação, engenheira agrônoma Sílvia Andreu Avelhaneda Pigari. 
É importante que se discuta temas como este não só entre os engenheiros, mas entre os estudantes, principalmente da área técnica e a população que ainda conhece pouco sobre energia solar, como afirmou.  
Sílvia lembrou que na Prefeitura de Jales existe uma lei que oferece desconto de IPTU para os proprietários de imóveis que adotam medidas para preservação do meio ambiente o que certamente pode ser concedido para quem instalar o sistema de energia solar.

APOIO 
A preocupação da AERJ em promover palestras para os profissionais da área tecnológica foi destacada pelo chefe de Unidade de Gestão de Inspetoria de Jales e São José do Rio Preto, engenheiro agrônomo José Paulo Saes, lembrando que o CREA-SP está incentivando as associações a fazerem eventos como esse, inclusive disponibilizando recursos para isso. Saes destacou que a função das associações é promover o aprimoramento dos profissionais, promovendo palestras e cursos de acordo com as necessidades percebidas em cada região.
Outra recomendação do CREA-SP é que as associações participem da vida das comunidades integrando os diversos grupos como para elaboração do plano diretor e outros segmentos em que a entidade pode colaborar com seus associados.
O CREA-SP também está incentivando novas parcerias com universidades, órgãos públicos e com os municípios, o que poderá acontecer também em Jales, se houver oportunidade.