jornaldejales@melfinet.com.br
17 3632-1330

Diretoria da Unijales concede bolsa de estudos a vendedora de picolés que emocionou o Brasil

por Daniel Zilio
04 de dezembro de 2017
Bruna, segunda à direita, ladeada por Zuleica Sant´Ana(publicitária), Junior Soler e Christina Soler (mantenedores) e Daise Andrade (professora)
Os mantenedores da Unijales, Maria Christina Fuster Soler Bernardo e Oswaldo Soler Junior, se comoveram com a história da vendedora de picolés de Jales, Bruna Atanázio, que foi hostilizada em função da sua profissão e concederam a ela uma bolsa de estudos integral, para ingressar em um dos cursos que a Instituição oferece.
Bruna prestou o vestibular da Unijales, no último dia 18 de novembro, foi aprovada e vai cursar Enfermagem a partir de 2018.
Bruna Atanázio, da noite para o dia ficou conhecida nacionalmente, quando teve sua história mostrada no Jornal Nacional, da Rede Globo.

ENTENDA O CASO
Depois de ter sido hostilizada na rua em função da sua profissão, vendedora de picolés, ela fez um desabafo em uma rede social. “Ontem, eu vendendo picolé, passou duas meninas de Biz vermelha me zoando. Confesso que fiquei mal, com muita vergonha e que nos primeiros cinco minutos quase voltei correndo pra casa”. 
Mas depois de pensar muito, continuou vendendo seus picolés e ainda deixou um recado para as garotas que a ofenderam. “Sejam vocês quem forem, eu gostaria de dizer que no fim do dia eu tinha meus R$74 muito suados e honestos, sem precisar fazer qualquer tipo de coisa errada. Então é isso: não ligo pra sua opinião. Só quero saber do dinheiro no meu bolso, por isso tô aqui postando essa foto e tenho muito orgulho de ser trabalhadora”.
Esses dois posts em seu Facebook se espalharam e fizeram com que Bruna se tornasse conhecida, inclusive com direito a curtidas do apresentador da Rede Globo, Zeca Camargo e do cantor Naldo Beni. Além de ficar muito conhecida, ela recebeu propostas de emprego, doações de roupas, calçados, tratamento de beleza e a bolsa de estudos da Unijales. Bruna confessou aos funcionários da Unijales que sonhava em fazer uma faculdade, mas que infelizmente não tinha condições financeiras para cursar. Agora o sonho vira realidade.