jornaljales@gmail.com
17 3632-1330

Cinquentenário com avanços

Editorial
07 de julho de 2019
Uma cidade, seja ela de que tamanho for, não se mede apenas pelo número de habitantes, pela altura dos prédios, pelo volume de veículos em circulação, pela infraestrutura urbana ou pelo saneamento básico. 
Para oferecer qualidade de vida aos moradores, os urbanistas europeus consideram que o ideal é que a população de uma cidade não passe de 80 mil habitantes e que, além de todos os requisitos enumerados no parágrafo anterior, também ofereça boa estrutura médico-hospitalar e educacional.
Sob estes aspectos, Jales oferece o essencial. Tem 100% de água e esgoto tratados, a proporção é de um 1,4 carro para cada habitante, a população está na faixa de 50 mil moradores e praticamente não há ruas de terra batida, como nas grandes metrópoles.
Quanto aos demais requisitos, também não há grandes motivos para queixas, eis que, em termos de saúde, a cidade é dotada de um hospital geral que serve outros 16 municípios, um hospital oncológico de ponta, um ambulatório de especialidades que realiza milhares de  atendimentos/mês, 11 unidades básicas de saúde.
No exame das condições de educação, a rede municipal tem escolas entre as mais bem avaliadas do país no ensino básico e uma instituição de ensino superior com 22 cursos.
É justamente esta última instituição, a Unijales, que merece exame um pouco mais acurado por parte deste jornal até como forma de chamar a atenção de quem mora aqui.
Para alegria de quem torce a favor da cidade, uma comissão de avaliação do Ministério da Educação esteve em Jales para avaliar as condições de funcionamento do Centro Universitário de Jales para fins de recredenciamento.
Os rigorosos critérios estabelecidos pelo MEC serviram de parâmetros para os avaliadores que, ao final de seu trabalho, atribuíram nota 4 à Unijales, em escala de 1 a 5.
Só para que os leitores tenham ideia do que isto significa, a comissão do MEC examinou com lupa Planejamento e Avaliação Institucional, Desenvolvimento Institucional, Políticas Acadêmicas, Políticas de Gestão e Infraestrutura.
Levando-se em consideração que na avaliação anterior, há cinco anos, a Unijales tinha obtido nota 3, a conclusão inevitável é que a nota 4 conquistada agora representa um inquestionável avanço.
Sob o ponto de vista simbólico, a nota 4 obtida para o recredenciamento da Unijales como centro universitário serve de pontapé inicial para a comemoração dos 50 anos de existência daquele espaço de ensino superior pioneiro na região a transcorrer em 2020.
Vida longa, Unijales!