quarta 14 abril 2021
Vitrine

Brechó online, uma tendência

Brechó da jalesense Nayara e da prudentina Carol: conceito da produção circular, onde peças já existentes que seriam descartadas podem ter a sua vida útil estendida sendo, além de consumo sustentável, uma maneira mais econômica de se vestir

Por conta da implantação do Banauá Concept Brechó, em Florianópolis, a advogada Nayara Romagnolli, nascida em Jales, e a designer de moda Carolina Scudeller, de Presidente Prudente, foram entrevistadas pelo Jornal de Jales em matéria de página inteira na edição do dia 14 de fevereiro, domingo de carnaval.

Na entrevista, ambas deram detalhes da parceria e informaram que, embora tenham inaugurado recentemente loja física, as vendas online via Instagram são um poderoso instrumento que lhes permite interagir com as clientes/seguidoras, o que já gerou mais de 1 milhão de impressões. E mais: ao contrário do imaginário popular, que vincula o brechó a pessoas de baixo poder aquisitivo, elas disseram que o público do Banauá é majoritariamente de ótimo poder aquisitivo.

Pois bem, uma semana depois da matéria no J.J., o jornal O Estado de S.Paulo publicou uma reportagem na mesma linha, na edição do dia 21 de fevereiro, com o título “A moda circular ganha tração” e o subtítulo “Brechós on-line se estabelecem no mercado e estão em sintonia com a mudança de mentalidade gerada pela pandemia”.

Resumo da ópera: Nayara e Carol acertaram o alvo.


Desenvolvido por Enzo Nagata