jornaljales@gmail.com
17 3632-1330

Apae oferece equoterapia como estratégia de reabilitação de crianças com necessidades especiais

Em Fernandópolis a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) é uma associação beneficente, sem fins lucrativos.
15 de outubro de 2018

         A EQUOTERAPIA é um método terapêutico e educacional que utiliza o cavalo dentro de uma abordagem interdisciplinar, nas áreas da saúde, educação e equitação, e trazem benefícios á pessoas portadoras de necessidades especiais, sendo reconhecida pelo Conselho Federal de Fisioterapia e Terapia Ocupacional desde 2008 como um recurso terapêutico eficaz. Atendendo pessoas com Lesões neuro-motoras, patologias ortopédicas, congênitas ou adquiridas, disfunções sensório-motoras, distúrbios evolutivos, comportamentais, de aprendizagem e emocionais.

         Em Fernandópolis a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) é uma associação beneficente, sem fins lucrativos, que presta serviços de educação, saúde e assistência social e oferece também o serviço de Equoterapia na área rural, que conta com uma equipe multiprofissional treinada e qualificada para o atendimento de equoterapia, onde o cavalo é especialmente treinado e condicionado para realizar suas tarefas durante o atendimento aos praticantes, o tratamento é gratuito para todas as pessoas que frequenta a associação.

         APAE possui parceria com a Fundação Educacional de Fernandópolis e o curso de Fisioterapia, no qual os alunos realizam seu estágio obrigatório juntamente com um fisioterapeuta da associação e um professor supervisor, contribuindo assim para a bagagem profissional e pessoal dos alunos e para a relação social dos praticantes.

                  O tratamento visa benefícios motores como fortalecimento muscular, melhora o equilíbrio, coordenação motora, postura e desenvolvimento da motricidade fina.  Estimula a autoestima, autoconfiança, sensibilidade tátil, visual e auditiva. Facilita a integração social e afeto, devido ao contato com um animal, por estar ao ar livre, na natureza, o tratamento promove a sensação de prazer e bem-estar.

 

         Professora Supervisora: Luciana Marques Barros.

         Alunos: Bianca dos Santos Carmo, Daniela Gracia Martins, Danilo Gonçalves, Larissa Calixto, Tatiane Moura Monteiro.