jornaldejales@melfinet.com.br
17 3632-1330

APAE de Jales discute direitos e necessidades das pessoas com deficiência

por Luiz Ramires
27 de agosto de 2017
Educação física adaptada foi uma das atividades desenvolvidas com as escolas
Tendo como tema Pessoas com Deficiência: direitos, necessidades e realizações, a APAE de Jales realizou a Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla, envolvendo a comunidade e escolas do município e das 11 cidades incluídas na sua área de atuação enviando alunos para a entidade.  
Várias atividades foram desenvolvidas para explicar que a pessoa com deficiência tem direitos como qualquer outra, como explicou a coordenadora pedagógica, professora Marislei Barseli Nascimento.
A diretora pedagógica Vilma Cristina Madri lembrou que além da conscientização sobre os temas desenvolvidos a cada ano, a semana tem como objetivo mostrar à sociedade e às famílias um pouco do que é o trabalho desenvolvido pela APAE e as transformações realizadas ao longo do tempo, visando sempre a inclusão e a melhoria no atendimento aos alunos.
É um momento também de divulgar os eventos programados ao longo do ano, visando a arrecadação de recursos para ajudar na manutenção da entidade com seus projetos e sua estrutura.

PROGRAMAÇÃO
A programação incluiu uma roda de conversa e conscientização sobre a semana e o tema, na segunda-feira de manhã, envolvendo os alunos e os professores. Na terça os alunos ofereceram um café da manhã com receitas produzidas no dia anterior, quando houve também depoimentos de três mães mostrando os benefícios do trabalho da APAE para seus filhos.
Na quarta e quinta-feira houve apresentações artísticas, oficinas de arte, educação física adaptada e dança, envolvendo as escolas como Dom Artur Hirsthuis, Sueli Marin e Anglo. 
Duas sessões de cinema fora realizadas, uma na quarta-feira em horário especial no Cine Jales com o filme No Reino Gelado 2 e outra na quinta, quando foi apresentado o filme O Filho Eterno.
Na quinta-feira à noite houve uma mesa redonda sobre autismo com a participação de Marislei, da terapeuta ocupacional da APAE Maristela Timóteo e da professora mestre em ciências Sandra de Souza Neris, mãe de uma criança autista.
A semana terminou na sexta-feira com a montagem de uma boate e participação dos alunos com DJ e atividades como um evento social.