jornaldejales@melfinet.com.br
17 3632-1330

40 ANOS DE MINISTÉRIO

por Luiz Ramires
18 de novembro de 2018
O pastor Elias, com a esposa, pastora Amélia: disposição para servir
Um culto em ação de graças no dia 11 de novembro, às 19 horas, no templo da Primeira Igreja Batista em Jales, na Avenida Paulo Marcondes, marcou os 40 anos de ministério do pastor Elias Fernandes de Matos. Antes do evento, com a casa cheia, o pastor deu uma entrevista ao Jornal de Jales quando destacou entre suas realizações a que considera mais importante: a expansão em Jales da filosofia de Jesus, como estilo de vida e amor ao próximo, orando sempre pela cidade.
Outra preocupação do pastor é estar sempre renovando. “Não é fácil trabalhar 40 anos em um só lugar porque você tem sempre que estar preparado para transmitir mensagens diferentes, para não repetir. Eu venho de uma geração de pastores que não permite ficar enganando, ‘enchendo linguiça’. Eu não tenho direito de tomar o tempo das pessoas que vêm aqui para ouvir mensagens de Deus. A gente tem que se colocar à disposição para isso”.

HISTÓRIA
O pastor Elias chegou a Jales, vindo de Urupês, no início dos anos 70 para trabalhar nas Casas Americanas. Ele faz questão de agradecer o senhor Azizi Miguel João, que bancou seu seminário do primeiro ao quinto ano. Ele não tem do que se arrepender durante essa trajetória, apenas disse que gostaria de ter cuidado um pouco mais da saúde e estar mais presente com a família, pois algumas vezes acabou se descuidando por assumir muitos compromissos ao mesmo tempo. 
A Igreja Batista, como destacou, tem muita história de luta e de sangue, pois vem de antes da Reforma Protestante de Martinho Lutero e em Jales ela começou com dois americanos que viveram um bom tempo na cidade. Depois veio o cearense José Domingos de Menezes, que deixou marcado o seu trabalho, principalmente em função do seu caráter.
Em Jales e no país, como destacou o pastor, a Igreja Batista vem crescendo, apesar do surgimento de muitas outras denominações. Isso porque o seu referencial continua firme, sem modismos, sempre voltada para os ensinamentos bíblicos. “É um preço a ser pago, mas que vale a pena, isso porque a gente quer ganhar, treinar, consolidar, batizar, mas sempre em comunhão com as demais denominações”.

POLÍTICA
A situação política do momento foi outro tema comentado na entrevista. Elias afirma que está muito complicada e por muito menos outros países já teriam entrado em guerra civil. “O presidente eleito Jair Bolsonaro e sua esposa são batistas, só que eles precisam honrar essa posição e nós estaremos orando para que ele faça um bom governo porque é isso que o país precisa”, afirmou. 
O Brasil, segundo o pastor, tem tudo para ser uma grande nação, mas precisa deixar essa polarização para não complicar ainda mais. Nesse sentido, a alternância do poder, com partidos diferentes, acaba sendo positiva, mas os governantes têm que se preocupar com a população e não se eleger apenas para se beneficiar do cargo.
O pastor conclui afirmando que como as pessoas precisam de um projeto de vida, o país também precisa e Jales não é diferente. “Jales precisa ter um projeto, como nós temos um projeto aqui na nossa igreja, Jales precisa esquecer seu passado e olhar para a frente, pensar no futuro”.