jornaldejales@melfinet.com.br
17 3632-1330

Diretores da Funec vistoriam locais para instalar curso de Direito
11 de janeiro de 2016
por Rafael Honorato 
 
A fim de escolher um possível local para instalação da extensão da Funec – Fundação Municipal de Educação e Cultura, de Santa Fé do Sul em Jales, esteve na cidade durante a manhã do dia 7 de janeiro, quinta feira, uma comitiva santa-fé-sulense composta pelo prefeito Armando Rossafa, o presidente da instituição de ensino, Ademir Maschio, a diretora pedagógica das faculdades, professora doutora SâmiraAmbar Lins e o diretor executivo da Funec, Aderval Morreti. Eles foram recepcionados pelo Secretário Municipal de Educação, Francisco Melfi. 
Durante a visita, conheceram as instalações da Escola Municipal Elza Pirro Viana, e também pólo da Universidade Aberta do Brasil – UAB, para assim escolherem um local propício para a instalação da faculdade, que a priori oferecerá apenas o curso de Direito. 
 
FACILIDADES
O prefeito Armando Rossafa disse que é uma honra  muito grande poder instalar o campus em Jales, visto que grande quantidade de alunos se deslocam todos os dias para Santa Fé, a fim de cursarem o Direito, e se eles tivessem essa oportunidade em Jales, seria muito mais fácil. Ele disse ainda que, no que depender dos prefeitos das duas cidades, ele e Pedro Callado, a instalação terá todo o apoio necessário. 
A professora doutora SâmiraAmbar, e o presidente Ademir Maschio, destacaram a importância que essa instalação terá para Jales, visto que o curso de direito da Funec é um dos melhores da região, segundo eles, tendo o índice de aprovação no exame da OAB até mesmo maior do que as instituições federais ou estaduais. 
 
TAMANHO DAS SALAS
Demonstrando certa preocupação durante a visita, o diretor executivo Aderval Morreti disse que uma das únicas adequações necessárias para serem feitas para a vinda do curso será  questão do tamanho das salas de aula, pois o curso da instituição comporta habitualmente cerca de 70 alunos por turma, e as salas em Jales tem capacidade para apenas 30, necessitando assim de mudanças. 
Todos enfatizam que essa instalação será benéfica tanto para Santa Fé, que irá expandir sua estrutura, e principalmente para Jales, onde a população não só da cidade, mas de toda a região, terá mais oportunidades de ensino. 
A grade curricular, bem como a forma de ingresso, mensalidades e bolsas de estudos serão os mesmos de Santa Fé do Sul. 
 
 
O prefeito Armando Rossafa à direita, com Moretti, Maschio e Samira, dirigentes da Funec, em reunião em Jales